Everything will be alright

by

Acho que todo mundo fica reflexivo no dia do aniversário.. e comigo não foi diferente. Fiz 22 anos dia 8 desse mês e comecei a pensar em mil e uma coisas. O bom de fazer aniversário no final do ano é que ainda sobra um tempo para pensar e começar a agir de alguma forma antes dio novo anio.. Mas vamos lá.

É bem ruim estar no ano depois do que foi o melhor ano da sua vida, lembro que no aniversário de 21 escrevi um texto falando como estava vivendo a melhor vida que eu poderia ter. Agora já não posso dizer algo assim.

Vivo insatisfeita com o trabalho, pensando várias vezes por semana em como amaria pedir demissão. Abri mão do meu apartamento em busca da vida financeira estável, mas ela nunca chegou. Me formei na faculdade e vi que a vida no mundo real é cansativa demais. Chorei como nunca achei que choraria. Fiz a carteira de motorista, mas não sem antes passar pelo pior momento psicológico da minha vida.

A autoestima abaixou, o peso e os boletos subiram. As dúvidas tomaram conta e as certezas desapareceram. Sem dúvidas não entrou pro meu ranking de anos mais massas. Sabe o que é pior? Que eu vi e vejo tudo acontecendo e não tomei/tomo nenhuma providencia para mudar, seja por falta de coragem, seja por falta de energia.

Então o pior desse ano foi eu, eu que não fiz nada pra mudar ou reagir, eu que continuo aqui reclamando e não agindo. É difícil quando você assume a culpa e não transfere ela pras situações né? É pesado.

Mas devo admitir que foi o ano mais desafiador e doloroso também, então consequentemente saio de 2017 e dos 21 anos bem mais forte do que entrei. Mas nesse final eu ainda estou bem abatida, confesso.

E agora, depois de olhar pra tudo, vejo que tá na hora. A gente sempre precisa de um super evento pra nos dar gás pra começar a reagir, né? O evento acabou de acontecer, os 22 chegaram, e com eles mais uma idade cheia de oportunidades.

Geralmente é difícil ver a luz no fim do túnel, mas agora eu estou me esforçando a pelo menos escutar os sons que vem dele.

6 Responses
  • Camila Faria
    Dezembro 12, 2017

    Oi Amanda, em primeiro lugar: parabéns! Que delícia, aproveite demais os seus 22 aninhos. E olha, vai dar tudo certo, viu? O mais importante você já fez, que foi identificar o que está te incomodando nesse seu momento complicado. Agora é batalhar para deixar a vida mais leve e bonita. Um beijo querida e feliz “ano novo”. 🙂

    • Amanda Teló
      Dezembro 16, 2017

      Oi Camila! Bom te ver por aqui.. Obrigada! Sim, vou batalhar mto!

  • Carol R
    Dezembro 14, 2017

    Parabéns Amanda
    Sim, fazer aniversario é momento de parar e se rever
    bjs

  • Natz Sodré
    Dezembro 15, 2017

    Primeiramente, parabéns Amanda! Que os seus 22 anos venha com tuuuudo! Sobre o restante… Me sinto a vontade para copiar e colar aqui o que vc comentou em um post meu, apenas para seguir com meu pensamento, porque tem muito haver com tudo que vc escreveu nesse post, vamos lá: É exatamente isso, sempre estamos esperando a segunda-feira chegar, o ano novo chegar, o começo de mês, tudo na vdd pra adiar a mudança. E sim, o natal é o que mais inspira.. Imagina se fosse natal o ano todo?.
    Concordo demais, sempre adiamos a mudança, e vc também concorda com isso.
    Mas o melhor de tudo vc JÁ FEZ! Notar isso, notar o que te faz, querer mudar…
    Você não quer que seus 22 anos seja do mesmo jeito que estava seus 21… Muita coisa deu errado, mas os erros realmente acabam nos fortalecendo, como vc disse.
    E essa mudança, que vc já enxerga, vai acontecer… Vc vai ver 😉
    Beijokas!

    • Amanda Teló
      Dezembro 16, 2017

      Obg linda! Adorei isso de vc usar minhas palavras hahaha estou na torcida e tentando fazer acontecer. beijos.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *