Sobre a brevidade da vida

O primeiro livro que li nesse ano foi Sobre a brevidade da vida do Sêneca, uma leitura tão profunda quanto densa que resolvi vir compartilhar com vocês.

Sinopse:

Sobre a brevidade da vida’ são cartas dirigidas a Paulino, nas quais o sábio discorre sobre a natureza finita da vida humana. São desenvolvidos temas como aprendizagem, amizade, livros e a morte, e, no correr das páginas, vão sendo apresentadas maneiras de prolongar a vida e livrá-la de mil futilidades que a perturbam sem, no entanto, enriquecê-la.

O livro escrito em algum momento entre (4 a.C.? – 65 d.C.) pelo filósofo Sêneca é bem curto, tendo apenas 96 páginas. É uma leitura rápida e que te impacta profundamente. Nele, Sêneca reflete  sobre questões da vida e como estamos perdendo ela com várias futilidades.

Muito breve e agitada é a vida daqueles que esquecem o passado, negligenciam o presente e temem o futuro. Quando chegam ao fim, os coitados entendem, muito tarde, que estiveram ocupados fazendo nada.

A cada frase lida meu coração se apertava, ele consegue ir diretamente na ferida e te fazer refletir. No fim da leitura muitas ideias vieram na minha cabeça, me inspirando a mudar minha vida em certos aspectos.

Foi uma leitura arrebatadora e sem dúvidas me fez iniciar 2018 de uma forma diferente.

Também me inspirou a criar um vídeo, falando um pouco sobre a questão da infelicidade e como podemos mudar.

Já leram esse livro ou algo do tipo? Me contem nos comentários!

Me acompanhe das redes sociais:  Instagram  Facebook Youtube Twitter

beijos,

9 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

você também pode gostar de:

Dias e dias

São tempos sombrios lá fora, mas aqui dentro estou tentando prosseguir. Me propus a aproveitar

Instagram @amanda.telo

____

feito com ♥ por Amanda Teló